Procura Heinrich Schuller

Craig Schiller @, Dienstag, 01.10.2019, 00:27 (vor 15 Tagen) @ Harri Valter Batschke

If you are interested in contacting me privately, there's a small envelope next to my name at the top of my post; if you click on that, it will take you to a form where you can send me a private message. If you would prefer to just exchange information on the public forum, that's okay too, but you're welcome to contact me by e-mail.

What I can tell you is that your confusion about whether you're German or Polish isn't unusual. Both Poland and Russia had large communities of ethnic Germans in the 1800s and 1900s, and a lot of people with German heritage in both Brazil and Canada (where I live) are descended from that community. (I also have several cousins on Eduard Schiller's wife's side who live in Brazil.)

My Schillers moved to Volhynia in the 1890s from a town called Borowiec in the Kalisz region of Poland. I already have records for them going four generations further back (and if we are related, then obviously I'll send you copies of those.) But they were ethnic Germans, from a Lutheran/German community in an area that flipped back and forth between German and Polish control.

One of my brick walls has been that my family is missing any information about what happened to most of my great-grandfather's brothers and sisters after my great-grandfather moved to Canada. We know they must have been caught up in the deportation of Germans from Volhynia in 1915, but we don't know where any of them ended up. I've found a few living descendants of their cousins, but I've never found anyone I can trace back to his brothers and sisters. So we would have to find other ways to confirm whether your Wilhelm and Regine are the same as mine or not before I get too excited.

You didn't mention whether Heinrich's marriage certificate is from Russia and written in Russian, or if it's from Brazil and written in Portuguese. If it's in Russian, there are groups I can refer you to where you can post a scan or photograph of it for translation assistance, to see if there are any other clues (such as his mother's maiden name or a specific town name in Russia). But if it's in Portuguese, then you obviously don't need that.

The next step would be to see if you can find any other records that might provide more information: a ship landing record from when he first arrived in Brazil, a citizenship application if he ever applied for Brazilian citizenship, a military record if he ever served in the army, a formal government record of his death, a document written in Russian that might actually be his birth record. I don't know much about Brazilian records -- but there must surely be a German-Brazilian genealogy organization that could help you figure out what's available and how to get it.

So if you'd like to message me privately, click on the envelope next to my name at the top of this post, and fill out the form that comes up. We obviously need to find more information about your Wilhelm and Regine before we can be certain that we're related, but I'll definitely try to help however I can.

---

Se você estiver interessado em entrar em contato comigo em particular, há um pequeno envelope ao lado do meu nome na parte superior da minha postagem; se você clicar nele, ele será direcionado para um formulário no qual você poderá me enviar uma mensagem privada. Se você preferir apenas trocar informações no fórum público, tudo bem também, mas não hesite em entrar em contato por e-mail.

O que posso dizer é que sua confusão sobre se você é alemão ou polonês não é incomum. Tanto a Polônia quanto a Rússia tinham grandes comunidades de alemães étnicos nos anos 1800 e 1900, e muitas pessoas com herança alemã no Brasil e no Canadá (onde eu moro) são descendentes dessa comunidade. (Também tenho vários primos do lado da esposa de Eduard Schiller que moram no Brasil.)

Meus Schillers se mudaram para Volhynia na década de 1890, de uma cidade chamada Borowiec, na região de Kalisz, na Polônia. Eu já tenho registros para eles voltando quatro gerações mais adiante (e se estivermos relacionados, então obviamente enviarei cópias deles.) Mas eles eram alemães étnicos, de uma comunidade luterana / alemã em uma área que se alternava entre si. entre o controle alemão e polonês.

Uma das minhas paredes de tijolos é que minha família está perdendo informações sobre o que aconteceu com a maioria dos irmãos e irmãs de meu bisavô depois que meu bisavô se mudou para o Canadá. Sabemos que eles devem ter sido apanhados na deportação de alemães de Volhynia em 1915, mas não sabemos onde eles acabaram. Eu encontrei alguns descendentes vivos de seus primos, mas nunca encontrei alguém que pudesse rastrear até seus irmãos e irmãs. Portanto, teríamos que encontrar outras maneiras de confirmar se Wilhelm e Regine são iguais aos meus ou não antes que eu fique muito animado.

Você não mencionou se a certidão de casamento de Heinrich é da Rússia e escrita em russo, ou se é do Brasil e escrita em português. Se estiver em russo, há grupos aos quais posso indicar onde você pode postar uma digitalização ou fotografia para obter ajuda na tradução, para ver se há outras pistas (como o nome de solteira da mãe ou um nome de cidade específico na Rússia) . Mas se estiver em português, obviamente você não precisa disso.

O próximo passo seria verificar se você pode encontrar outros registros que possam fornecer mais informações: um registro de desembarque do navio desde a sua chegada ao Brasil, um pedido de cidadania se ele alguma vez solicitou a cidadania brasileira, um registro militar se ele alguma vez serviu no exército, um registro formal de sua morte pelo governo, um documento escrito em russo que pode realmente ser seu registro de nascimento. Não sei muito sobre registros brasileiros - mas certamente deve haver uma organização genealógica brasileira-alemã que possa ajudá-lo a descobrir o que está disponível e como obtê-lo.

Portanto, se você quiser me enviar uma mensagem em particular, clique no envelope ao lado do meu nome na parte superior desta postagem e preencha o formulário que aparecer. Obviamente, precisamos encontrar mais informações sobre seu Wilhelm e Regine antes de podermos ter certeza de que estamos relacionados, mas definitivamente tentarei ajudar da maneira que puder.


gesamter Thread:

 RSS-Feed dieser Diskussion

powered by my little forum